CAMPANHA DE SOLIDARIEDADE

sexta-feira, 10 de julho de 2015

Fraternidade entre Kim Il Sung e Salvador Allende Gossens

 
Pyongyang, 8 de Julho ACNC

Entre numerosas personalidades de alto nível com quem o Presidente Kim Il Sung teve estreitos vínculos no caminho pela paz no mundo e a causa da independência da humanidade e ofereceu-lhes a nobre obrigação, figura o ex-presidente do Chile, Salvador Allende Gossens.

Depois de visitar vários países orientais e ocidentais para buscar a justiça e a verdade, Allende leu as obras do Presidente coreano, criador da ideia Juche, e decidiu encontrar-se com ele.

Durante sua visita a Cuba, ele disse aos jornalistas que encontrar-se com o Presidente Kim Il Sung era seu desejo.

Em 1969, 58 da Era Juche, o Presidente concedeu audiência a Allende de visita a Coreia, ocasião na qual lhe disse que se encontrou com um companheiro de armas que lutava na mesma trincheira contra o imperialismo e estava muito satisfeito por ter no Chile um amigo tão bom como ele.

Ao terminar a audiência, lhe disse tomando suas mãos que venha outra vez a Coreia e se torne amigo eterno na frente de luta anti-imperialista.

Depois de regressar a sua pátria, Allende elogiou o Presidente como a personificação da independência e da justiça e lutou tomando como verdade absoluta e lema de sua vida as nobres instruções dadas pelo Presidente sobre a revolução latino-americana.

Logo ao ser eleito como presidente do Chile, se empenhava pelos interesses e as demandas das massas populares trabalhadoras e pelo fim da dominação do capital monopolista nacional associado com o imperialismo e lutou heroicamente até o último momento da sua vida quando se deu um golpe de estado pelas manobras dos inimigos internos e externos.

Ao receber no caminho de uma visita de orientação a triste notícia da queda de Allende, o Presidente enviou em seu nome uma mensagem de condolências e uma coroa de flores a sua esposa e a embaixada chilena na Coreia, decretou dia nacional de luto e tomou as medidas funerais como a radioemissão de condolências, a publicação das declarações de distintos estratos, comícios, etc.

Convidou a comer os cônjuges do encarregado A.I. da embaixada chilena e ofereceu a irmã mais velha de Allende, que estava no exterior, assistência médica na Coreia.

Em 1974, se reuniu com o secretário-geral do Partido Socialista do Chile e sua comitiva, que estavam no exílio, ocasião na qual recordou que Allende lutou heroicamente e o povo coreano o considerava não só como herói do povo chileno mas também como o da classe operária do mundo inteiro.

Verdadeiramente, Kim Il Sung é o eterno sol da humanidade que viverá para sempre no coração dos combatentes anti-imperialistas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário