CAMPANHA DE SOLIDARIEDADE

segunda-feira, 9 de maio de 2011

Finalização da barragem de concreto da Central Hidrelétrica de Huichon



Foi concluída em pouco mais de 700 dias a compactação da barragem de concreto do dique de Ryongrim da Central Hidrelétrica de Huichon.

Esta gigantesca obra, que demoraria 10 anos para ser finalizada, terminou em dois anos, principalmente graças à heroica luta da construção militar do Exército Popular da Coreia, que começou em abril de 98 (2009) da Era Juche.


Assim, nos recessos de montanha no alto rio Jangja tomou corpo a barragem gigantesca Ryongrim, de eterna duração.

Os construtores militares cumpriram em um curto prazo a construção da barragem provisional, e em três meses, ou seja, em Julho, terminaram o trabalho do canal de drenagem temporária, quando se previa um tempo de mais de dois anos de trabalho.
Realizadas simultaneamente, a escavação e compactação do concreto para a fundação da barragem terminaram em 5 meses de trabalho. Com base nesse sucesso, entraram este ano na construção da barragem, que é um milagre sem precedentes na história da construção da usina hidrelétrica.

O dirigente Kim Jong Il visitou o canteiro de obras em setembro de 98 (2009) da Era Juche. Naquela ocasião, estimulou os construtores, denominando a hidrelétrica de Huichon como “o novo Chollima”, por causa da grande velocidade de trabalho que eles criam cada minuto e também das inovações e milagres que surpreendem todo o mundo.
Em 99 (2010) da Era Juche, Kim Jong-il visitou em 4 ocasiões a terra de Huichon, instruindo ao Exército Popular da Coreia que marche à frente da causa da construção de uma grande e próspera potência e ensinando as soluções dos problemas que surgirem na obra.

Os construtores aplicaram o eficiente método de compactação de concreto acompanhado da mecanização e do trabalho tridimensional. Realizaram simultaneamente a compactação da barragem principal e a escavação de rochas em ambos os lados da barragem, aplicaram o método de perfuração e detonação adequadas às condições das rochas e elevaram em dez vezes a quantidade de escavação de rochas através de emulação.
Eles registraram a grande inovação de ter em um dia mais de 10 mil metros cúbicos de concreto; dentro de um ano e meio desde o início da construção, ultrapassaram em 80% a compactação de concreto da barragem. Promoveram rapidamente os projetos de construção em etapa final como a instalação da porta de emergência e alargamento de estradas.

Dessa maneira, abriram-se as perspectivas para terminar até 2012, ano do centenário de nascimento do Presidente Kim Il Sung, a construção da Central Hidrelétrica de Huichon.

Fonte: KCNA

3 comentários:

  1. A RPDC deverá, cada vez mais, aumentar o intercâmbio com o BRICS (Brasil, Rússia, China, Índia e África do Sul), favorecendo a formação de uma nova relação de independência mundial.

    ResponderExcluir
  2. Estamos de acordo com você, Julia. Abraço!

    Gabriel Martinez - redação do Blog de Solidariedade à Coréia Popular

    ResponderExcluir
  3. toda solidariedade e cooperação a coréia do norte!

    ResponderExcluir