segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

Internacionalismo: Coreia Democrática apóia as causas do povo cubano


Os cinco anti-terroristas cubanos, presos injustamente pelo Estado pseudo-democrático dos Estados Unidos

Pyongyang, 12 de fevereiro. Coréia Democrática ratificou sua solidariedade com Cuba na luta pela libertação dos cinco antiterroristas cubanos injustamente presos nos Estados Unidos, e contra o bloqueio desse país a nação caribenha.

O chanceler, Pak Ui Chun, reiterou essa posição em um encontro na embaixada cubana em ocasião de festividades coreanas.

Park agradeceu as múltiplas atividades organizadas por Cuba com motivo do 50ª aniversário de relações entre os dois países, celebrados no ano passado, e destacou os importantes intercâmbios de visitas realizadas.

Também reafirmou a invariável posição das autoridades da República Popular Democrática da Coréia (RPDC) em consolidar constantemente estes vínculos de amizade e cooperação.

O chanceler norte-coreano se interessou pelos preparatórios do VI Congresso do Partido Comunista de Cuba e expressou a convicção de que seu povo obterá novos êxitos em 2011.

Por sua parte, o Embaixador José Manuel Galego Montano se referiu às fraternais ligações e datas históricas que compartilham ambos os povos, incluindo a celebração do 35º aniversário, em junho, do Comitê Cubano pela Reunificação da Coréia.
O diplomata agradeceu o apoio da RPDC à luta dos cubanos contra o bloqueio e pela libertação de René González, Ramón Labañino, Fernando González, Antonio Guerrero e Gerardo Hernández, presos por combater ações terroristas contra seu país, organizadas nos Estados Unidos.

Fonte: Blog Civilización Socialista
Tradução: Blog de Solidariedade à Coréia Popular

Um comentário:

  1. O Brasil deveria estar mais interado do assunto , mas como a mídia brasileira só expões o que de interesse imperialista nós temos que recorrer a fontes alternativa para podermos saber da realidade do mundo.A imprensa ocidental está cada vez mais perdida em falsas informações. VIVA CUBA LIVRE

    ResponderExcluir